logotipo

Acupuntura na prevenção e tratamento das alergias e doenças comuns do inverno

Edilaine Santichi Soares

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar em FacebookCompartilhar em Google PlusCompartilhar em TwitterCompartilhar em LinkedIn

A chegada do inverno traz consigo o agravamento de alergias respiratórias, como rinites e sinusites, que acometem tanto adultos quanto crianças.

As mudanças de temperatura e o clima seco podem deixar o sistema imunológico vulnerável, justamente quando há um aumento na propagação de vírus e bactérias em ambientes fechados, o que faz crescer a incidência de gripes e resfriados.
A queda nas temperaturas pode causar ainda dores ligadas à tensão muscular, quando se fica muito tempo encolhido na tentativa de se aquecer. As dores crônicas também se intensificam nessa época do ano.
A acupuntura, técnica da Medicina Tradicional Chinesa que trata patologias através de estímulos de pontos específicos na pele, pode atuar na prevenção, controle e tratamento dessas doenças e desconfortos.
Através das sessões de acupuntura estimula-se o aumento das células de defesa do organismo, tornando-o mais resistente. Ocorre assim a diminuição das reações alérgicas, promove-se a desobstrução dos seios da face e a limpeza pelas secreções nasais. Também alivia a falta de ar que tanto incomoda os pacientes alérgicos.
Para as dores crônicas e musculares, o tratamento com acupuntura libera a endorfina, substância que bloqueia a mensagem de dor. Essas aplicações também produzem efeito analgésico e proporcionam relaxamento muscular.

Algumas dicas de prevenção para um inverno muito saudável

• Durma mais cedo e acorde mais tarde, em harmonia com o ritmo dos dias curtos de inverno, quando o sol se põe mais cedo e nasce mais tarde. O repouso é imprescindível para o bom funcionamento do organismo nessa época do ano.
• Mantenha-se aquecido, evite exposição ao frio e à chuva.
• Fique mais tempo em casa, o inverno é época de introspecção.
• Beba muita água e bebidas quentes para ajudar a manter o corpo aquecido.
• Evite locais fechados onde há aglomeração de pessoas – é maior o risco de contaminação por vírus e bactérias.
• Pratique exercícios físicos para aumentar a resistência do organismo.

Durante o tratamento, os pontos de acupuntura podem ser estimulados com as agulhas ou sem elas. Nesta última opção é utilizado um aparelho chamado Hai Huá, onde eletrodos que liberam uma corrente eletromagnética ajustada são utilizados no lugar das agulhas. Além de estimular ponto a ponto, o aparelho proporciona a realização de massagem na região dolorida. Recomenda-se até duas sessões por semana nos casos de crise e uma sessão por semana no tratamento preventivo.



Edilaine Santichi Soares - CRBM 15734
Biomédica Acupunturista


(19) 3043.7203 | 3601.6200
Rua Quintino Bocaiuva, 792, Santa Catarina - Americana