logotipo

Turbine seu cérebro sem os efeitos colaterais dos remédios

MÉTODO SUPERA

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar em FacebookCompartilhar em Google PlusCompartilhar em TwitterCompartilhar em LinkedIn

Adultos recorrem a medicamentos e a treinamentos para melhorar desempenho cognitivo, aumentando sua capacidade de concentração, raciocínio e memória 

São José dos Campos, abril 2016 - “O cérebro foi construído para mudar de acordo com as experiências vivenciadas e a forma como é usado”, declarou o neurocientista Michael Merzenich, explicando neuroplasticidade, em visita recente ao Brasil. 

O estudioso reforçou a tese de que podemos melhorar o desempenho do nosso cérebro através de treinamentos cognitivos.

“Assim como quando exercito meu corpo obtenho uma série de benefícios e altero a regulação de uma série de processos bioquímicos, quando exercito meu cérebro altero todo o seu funcionamento, seu suprimento de sangue e de energia, bem como a força de suas operações”, acrescentou Merzenich.

O conceito de neuroplasticidade e a neurociência seduzem cada vez mais pessoas sadias. Algumas procuram intervenções médicas, outras, os remédios e outras, recursos alternativos que promovem o desenvolvimento de habilidades cognitivas.

A descoberta dos ampakines, compostos que atuam sobre o neurotransmissor glutamato, essencial nos circuitos ligados à memória, e, a nova geração de suplementos que promete aumentar a disposição e aprimorar a memória e concentração, estão entre as novidades.

Na linha das terapias alternativas, muitos brasileiros têm optado por manter e desenvolver o desempenho cognitivo trabalhando sério e duro, ou seja, frequentando academias de ginástica cerebral.

A rede de franquias SUPERA tem um método que reúne ferramentas tradicionais e milenares para estimular conexões neurais de forma saudável.

São jogos, exercícios cognitivos, dinâmicas de grupo e prática de cálculos no ábaco que ativam o cérebro, a agilidade de raciocínio, foco e memória.

“Nosso método reúne ferramentas pedagógicas utilizadas há anos, todas com resultados comprovados na sua individualidade e que, juntas, formam um método eficaz de estimulação do cérebro”, explica Antônio Carlos Guarini Perpétuo, presidente-fundador do método SUPERA.

Uma pessoa mais concentrada gasta menos tempo para fazer suas tarefas e consegue deixar de fazer coisas que levam a lugar nenhum.

“A ginástica cerebral melhorou minha memória. Consigo prestar atenção e memorizar com mais facilidade as coisas. Melhorei muito na escola, principalmente em matemática”, conta Vinícius Bessasm, 12 anos, aluno do SUPERA.

Vinícius está entre as pessoas consideradas mentalmente saudáveis que querem ter a cabeça turbinada. A ginástica cerebral melhora o desempenho do cérebro, mantendo-o alerta, mais vivo e predisposto a mudar. O SUPERA é uma escola com dez anos de existência e sessenta mil adeptos do curso.

Mesmo quando todos esses fatores estão presentes, a memorização não acontece necessariamente. É preciso fortalecer as conexões neuronais. A ginástica cerebral pode deixar seu cérebro suficientemente forte e saudável para lhe dar mais domínio sobre a atenção. Pratique essa ideia. Faça ginástica cerebral.


 

(19) 3629.3341 | 3629.3342
Rua Dona Margarida, 198, Centro – Santa Bárbara d’Oeste
www.metodosupera.com.br
  Supera Santa Barbara D’Oeste