logotipo

Você pode escutar mais e melhor

Jane Barbosa

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar em FacebookCompartilhar em Google PlusCompartilhar em TwitterCompartilhar em LinkedIn

A tecnologia aplicada nos sistemas de compensações auditivas podem perfeitamente melhorar àquela sensação de perda auditiva

Cerca de 800 milhões de pessoas no mundo sofrem de perda auditiva. Estima-se que este número alcançará 1,1 bilhão até 2015. Diversos estudos mostram que aproximadamente 65% dessas pessoas têm perda auditiva leve, 30% moderada e 5% severa ou profunda. Apenas cerca de um terço das pessoas com perda auditiva são idosas. A maioria vai à escola e ou trabalha. Estudos também mostram que entre as pessoas que poderiam beneficiar-se do uso de aparelhos auditivos apenas um em cada cinco fazem uso.

De acordo com um estudo britânico, 39% dos jovens entre 18 e 24 anos ouvem música pelo menos uma hora por dia com até 105 decibéis. Isto quer dizer que eles expõem seus ouvidos ao nível excessivo de ruído maior que o tempo tolerado de 25 minutos por semana. Estima-se que com esta sobrecarga permanente cresce o risco de se desenvolver a perda auditiva - em mais ou menos cinco anos.
Quanto menor a espera para se cuidar do problema, melhores serão os benefícios. Este primeiro passo é muito importante. O segundo passo é encontrar o especialista para indicar a solução mais adequada.
A tecnologia disponível é uma grande aliada e hoje é possível sanar grande parte das dificuldades por meio dos recursos oferecidos nos aparelhos auditivos e noutros dispositivos - como o Sistema FM. Ter uma audição de qualidade mesmo em ambientes desafiadores, no trabalho, ao telefone e em ambientes abertos, como ruas e shoppings, já é realidade para muitas pessoas com perdas auditivas. É possível escutar mais e melhor.

Jane Barbosa
CRFa SP 7658
Fonoaudióloga da Clínica Barbosa pela PUCCAMP
Especialista em Audiologia pelo CEDIAU


 janebarbosafono