logotipo

Saiba mais sobre o tratamento da presbiopia

Guilherme Bender Lima

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar em FacebookCompartilhar em Google PlusCompartilhar em TwitterCompartilhar em LinkedIn

A presbiopia, também conhecida popularmente como “vista cansada”, consiste na perda da capacidade do olho de enxergar simultaneamente objetos a várias distâncias.

Tal fenômeno afeta praticamente todas as pessoas e se manifesta progressivamente entre os 40 e 50 anos de idade. É causado pela perda da capacidade de modificação do formato do cristalino, que é a lente interna do olho (a lente externa é a córnea). O principal sintoma é a dificuldade progressiva em enxergar para perto.

Tratamento da presbiopia

Ainda não existe um tratamento perfeito para a presbiopia, pois a ciência não consegue simular artificialmente a mudança de formato do cristalino. Existem diversos tratamentos, mas todos possuem limitações. Basicamente são eles:

1. Uso de óculos. Para perto ou multifocais, que corrigem a visão para perto e para longe.

Fig 2. Lente de contato multifocal
2.
Uso de lentes de contato multi-focais ou monofocais - com monovisão. As lentes de contato multifocais na utilização padrão permitem a cada olho individualmente as duas funções - ver de perto e de longe ( figura 02). Outra opção que essas lentes multifocais proporcionam é a monovisão, onde um dos olhos é corrigido para enxergar para perto e o outro enxergar para longe.


Fig 3. Presbi-LASIK
3.
Cirurgia refrativa a laser. Também conhecida como presbi-lasik, consiste em uma técnica inovadora que corrige o olho dominante para longe e produz uma lente multifocal no olho não dominante, através da modificação a laser da superfície da córnea. Vem apresentando excelentes resultados, porém não é aplicável a todos os casos. Tem a vantagem de corrigir a miopia, hipermetropia e o astigmatismo simultaneamente com a presbiopia (figura 03).


Fig 4. Cirurgia de catarata com lente multifocal

4.
Cirurgia da catarata. Para os pacientes que também apresentam catarata, a qual consiste na opacificação do cristalino, geralmente a melhor opção é a cirurgia da catarata. Neste caso, em lugar das lentes intraoculares tradicionais, que resolvem a catarata, mas não a presbiopia, pode-se usar lentes intraoculares multifocais para este fim. O resultado costuma ser excelente na grande maioria dos casos (figura 04).


Dr. Guilherme Bender Lima - CRM 114526
Médico oftalmologista. Especialização pela UNICAMP
Membro titular do Conselho Brasileiro de Oftalmologia





http://drguilhermebender.com.br