logotipo

ESTEIRA AQUÁTICA, É BOM PRA CACHORRO!

PRISCILA SANCHES

Gostou? Compartilhe!

Compartilhar em FacebookCompartilhar em Google PlusCompartilhar em TwitterCompartilhar em LinkedIn

É fundamental para a qualidade de vida e excelente na reabilitação de pós-operatório e prevenção de lesões

A fisioterapia é uma grande aliada no tratamento dos animais com os mais variados tipos de lesões. Ela permite acelerar o processo de reabilitação, além de ser uma forma de prevenir lesões. É utilizada para diminuir a dor e inflamações. Proporciona melhores condições na recuperação de movimentos, a função normal do membro afetado, constitui força e massa muscular e auxilia na recuperação pós–cirúrgica.


priscilasanches out2018B


ESTEIRA AQUÁTICA

É muito utilizada na fisioterapia veterinária, trazendo benefícios durante a recuperação do animal, uma vez que a sensação da dor quando ele se movimenta na água, é menor que nos exercícios de solo. Melhora o desempenho cardiorrespiratório, pela suave resistência aplicada pelas forças físicas da água.
A esteira aquática facilita a movimentação do animal por causa do efeito da flutuação, o que é fundamental em diversas afecções ortopédicas, como no pós-operatório de coluna, pós-fraturas, tendinites, luxações de patela, artroses, rupturas de ligamento cruzado, displasia coxofemural, entre outras. Nas afecções neurológicas, auxilia na coordenação motora e proprioceptiva.

Esta modalidade de tratamento é capaz de produzir uma variedade de efeitos terapêuticos, tais como:

  • aumento da amplitude de movimento da articulação;
  • melhora o alongamento dos músculos e tendões;
  • estimula o apoio precoce do membro claudicante;
  • redução e controle do peso;
  • melhora o condicionamento físico em cães sedentários e ou idosos;
  • reduz edemas;
  • acelera a recuperação em pacientes paralisados.

A água da esteira aquática é aquecida, mantida a uma temperatura entre 28° e 32° C - uma temperatura ideal para os exercícios.
Outro fator importante é o nível da água na esteira, que é sempre selecionado conforme o objetivo terapêutico, ou seja, a altura da água vai depender da doença e ou do objetivo do tratamento. Para fortalecer a musculatura é um nível de água, para incentivar o uso do membro é outro, dentre outras possibilidades onde são utilizados níveis específicos.

 

OUTRAS MODALIDADES DA FISIOTERAPIA VETERINÁRIA

priscilasanches out2018c

ELETROTERAPIA
São as aplicações de corrente elétrica, em paciente com lesão muscular ou ortopédica, com a finalidade de aliviar as dores ou fortalecer a musculatura dos animais.


priscilasanches out2018d


CINESIOTERAPIA
Quer dizer uma terapia por exercícios. Pode ser exercícios “ativos”, quando realizado pelo próprio paciente, em solo, com o uso de bolas, pranchas e obstáculos, ou, exercícios “passivos”, quando realizado pelo terapeuta através de alongamentos e mobilizações.


priscilasanches out2018e


LASERTERAPIA
É a aplicação de laser em pontos específicos para alívio das dores e inflamação do pet. Também é um ótimo cicatrizante e promove regeneração dos tecidos.


priscilasanches out2018f


ULTRASSOM TERAPÊUTICO
São ondas “mecânicas” que vibram em frequências superiores às frequências audíveis pelos seres humanos.  Tem um amplo espectro de indicações terapêuticas, dentre elas: acelerar a calcificação de fratura, nas contraturas musculares, na osteoartrite, em tendinites, tenossinovite biciptal, na diminuição da amplitude de movimento, etc. Também na fonoforese, a terapia em que o ultrassom é utilizado para auxiliar no transporte de medicamentos pela pele, aumentando a absorção de analgésicos e anti-inflamatórios no local.


priscilasanches out2018g


OZONIOTERAPIA
Uma terapia feita através da aplicação do gás ozônio, como agente terapêutico. Tem efeito sobre o sistema imunológico, músculo esquelético, além de auxiliar no tratamento de fungos, bactérias e vírus. É analgésico, anti-inflamatório e imunomodulador.

Conforme a lesão a ser tratada poderá ser aplicada através das vias locais, por injeção subcutânea, intramuscular, paravertebral, peri/intrarticular, ou Bagging (excelente para lesões de pele). E ainda de forma sistêmica, na forma de auto-hemoterapia maior, auto-hemoterapia menor, e, por insuflação retal.
E na fisioterapia veterinária? Em quais casos se utiliza a ozonioterapia?
É muito eficiente para a displasia coxofemoral, lesões em coluna, artrite, artrose, nas tendinites e doenças osteomusculares.


priscilasanches out2018h 


ACUPUNTURA

A acupuntura é uma grande aliada no processo de reabilitação dos animais, através dos estímulos por agulhas, bem fininhas, colocadas em determinados pontos no corpo do animal. O objetivo da acupuntura é estimular o funcionamento do sistema nervoso, e, promover a liberação de substâncias analgésicas pelo próprio organismo. Pode ser aplicada em animais de qualquer sexo, raça e idade. E também é ótima forma de suporte à cães idosos ou com doenças crônicas. Traz melhora na qualidade de vida do pet. 

A acupuntura não tem efeitos adversos, não causa dor, alguns pacientes podem apresentar desconfortos leves e passageiros. A maioria dos pets relaxa durante a sessão. Para os animais que não permitem o uso de agulhas, aplicamos a laserpuntura, uma aplicação com laser de baixa frequência nos mesmos pontos do mapa da acupuntura.
A quantidade de sessões varia conforme a gravidade e necessidade de cada animal. Problemas crônicos demandam mais sessões que os casos agudos. No início, as sessões são semanais, e, conforme o tratamento evolui, podem ser mais espaçadas. Algumas doenças podem se resolver completamente, com apenas um ciclo de tratamento, noutros casos, os mais crônicos, pode ser necessário sessões de “manutenção”.
As principais indicações são: displasia coxofemoral, displasia de cotovelo, controle das dores, problemas de coluna (hérnia de disco, diminuição do espaço intervertebral, osteofitos), artrites, artroses, seqüelas de cinomose, paralisia do nervo facial, incontinência urinaria e fecal, convulsões, e como coadjuvante no tratamento de câncer.
Nos casos de convulsões, artroses e displasia pode ser indicado o implante de ouro.
O plano de reabilitação é sempre individual, com avaliação minuciosa para definirmos quais técnicas e aparelhos devemos utilizar a fim de garantir que o animal tenha suas dores suavizadas e até possa recuperar os movimentos perdidos.

 

priscilasanches


DRA. PRISCILA SANCHES

CRMV/SP 24935
Médica Veterinária
Acupuntura, Fisioterapia, Ozonioterapia,
Dieta Natural e Fitoterapia Chinesa


priscilasanches


(19) 99391.7898

Rua Gonçalves Dias, 134 - Vila Medon | Americana
Dra. Priscila Sanches - Acupuntura e fisioterapia Veterinária